Dias depois de anunciar a contratação de Julio Cesar, um goleiro foi novamente responsável pela boa notícia do Flamengo neste sábado. O clube rubro-negro informou que Diego Alves avançou na recuperação de sua lesão e foi liberado pelo departamento médico para treinar normalmente.

“O atleta Diego Alves realizou o exame previsto pelo departamento médico do clube, e ficou constatado que o local da cirurgia está calcificado. A partir de agora, está liberado para trabalhos com queda”, explicou o Flamengo através das redes sociais.

Titular do gol flamenguista, Diego Alves sofreu uma fratura na clavícula durante a reta final da Copa Sul-Americana. Ele se contundiu em 23 de novembro e foi submetido a cirurgia no dia seguinte. A expectativa inicial era de que ele ficasse dois meses afastado do gramado.

Nos últimos dias, Diego Alves já vinha treinando com o elenco, mas realizando apenas trabalhos mais leves. Agora, porém, foi liberado para realizar qualquer movimento, incluindo quedas, nas atividades.

A expectativa do clube é de que Diego Alves esteja pronto para reforçar o Flamengo na estreia da Libertadores, diante do River Plate, dia 28 de fevereiro, no Maracanã. Enquanto isso, César segue como titular do gol rubro-negro. Nas próximas semanas, o técnico Paulo César Carpegiani também deverá ter Julio Cesar à disposição.