País com tradição em provas de longa distância, o Quênia não decepcionou e conquistou duas dobradinhas na Meia Maratona do Rio de Janeiro, disputada neste domingo.

Entre os homens, o título ficou com Elias Chelimo Kemboi, que já havia subido ao primeiro lugar do pódio na Maratona de São Paulo, em maio. Sem dar qualquer chance aos adversários, ele foi seguido pelo compatriota Joshua Kemei, enquanto o brasileiro Giomar Pereira da Silva apareceu em terceiro.

O Brasil também conseguiu o bronze na prova feminina, com Marily dos Santos. O ouro e a prata ficaram respectivamente com Eunice Kirwa e Mesetet Debele, ambas também representantes do Quênia.

Os êxitos representam o fim de dois jejuns para os quenianos, que não venciam a disputa masculina desde 2005 e a feminina desde 2004.