A saudade é um sentimento comum, todos sentem. Cada pessoa sentirá de uma forma, sendo influenciada por sua lembrança e estrutura emocional.

Muitas vezes a pessoa tem saudade não só do outro, mas do que ela era ao lado do outro (sentia completa, mais confiante, segura, …). Mas estar longe do outro dá a oportunidade para se “reconstruir”, reafirmar sua personalidade, refletir sobre “quem eu sou” e aquilo que “eu quero”.

            É comum idealizar “um passado” que talvez nem existiu. A maturidade emocional e o grau do autoconhecimento vão influenciar a forma que a pessoa “conduz” sua saudade:

*Positiva – a pessoa se lembra dos bons momentos, fortalecendo-se emocionalmente e se motivando para novos desafios e conquistas.

*Negativa – fica presa ao passado, paralisada, não conseguindo viver o presente, ficando sem objetivos. Acredita que não conseguirá ser feliz como era no passado. Esta percepção prejudica sua vida social e profissional.

A forma que a pessoa encara a saudades tem relação  com a forma que ela lida com perda e com a ausência dos outros. As perdas fazem parte da vida, todos precisam aprender a lidar com isso. Alguns têm mais dificuldades em se adaptar e aceitar a nova realidade e rotina,  a lidar com a própria solidão e carência (principalmente os que têm baixa autoestima,  insegurança, sensação de ser rejeitado,  carentes).

Alguns falam “sinto saudade de coisas que nem vivi”. Essa sensação é gerada quando a pessoa cria expectativas sobre o seu futuro: de quanto ela ganharia no trabalho, de como seria seus relacionamentos e sua vida… A frustração de não realizar os desejos, de a vida não estar da forma que imaginou. Expectativa frustrada sobre a própria vida, pois não saiu do jeito que gostaria.

É natural ficar triste em alguns momentos, mas quando a pessoa tem choro frequente, sentindo-se isolada e frustrada, deixando de realizar atividades prazerosas, é necessário o acompanhamento psicológico.

Saudades negativa pode ser sinal de que algo está mal resolvido ( emoções, passado). Por isso é importante refletir qual o real significado da “sua” saudade.

Dicas para lidar / superar a saudade:

 – Reinventar-se, reconhecer-se nessa nova fase da vida. Voltar a ser feliz, escrevendo novo capítulo de sua vida

– Valorizar-se, reconhecendo o seu potencial ou habilidade

– Encarar feridas emocionais e os próprios sentimentos

– Buscar fontes de prazer de forma saudável, ética e plena

– Criar novos desejos e metas para o futuro

– Cultivar relações (amigos, namorados / casados, família) com qualidade

O segredo é aprender e conviver com a saudade.

http://www.michelliduje.com.br