Foto: Alberto Melnechuky/Tribuna
Juliana não era conhecida na região.

Juliana Lopes, 22 anos, foi encontrada morta por volta das 3h de ontem, na Rua Odenir Dissenha, Vila Audi, no Uberaba. A garota foi atingida por três tiros de pistola 380, um na cabeça, um no ombro e outro na barriga.

A jovem não tinha qualquer documento de identificação consigo, e nenhum dos curiosos que acompanharam o trabalho da polícia a reconheceu.

Ela só foi reconhecida, posteriormente, no Instituto Médico-Legal. Juliana caiu ao lado de uma cerca de arame farpado, mas não se sabe se foi perseguida pela rua ou se foi surpreendida pelo assassino.

A Delegacia de Homicídios registrou a ocorrência, mas poucas informações foram conseguidas no local do crime.