A imprudência tirou a vida de um motociclista, por volta das 16h de ontem, na esquina das avenidas Marechal Floriano Peixoto e Iguaçu, no centro. Adriano Gomes de Oliveira, 19 anos, seguia em sua moto Honda azul placa AMM-1148 pela Marechal Floriano no sentido centro, na pista à esquerda da canaleta do ônibus, a indicada para o seu tráfego. Ao seu lado, na canaleta, vinha o biarticulado identificado pelo número 16D06, placa AJJ-3411, da linha Boqueirão, no mesmo sentido. Segundo o depoimento de Fernanda Diaz Santís, passageira do ônibus que vinha em pé logo atrás do motorista, o motoqueiro acelerou tentando fazer uma conversão proibida à esquerda, conforme indicava a sinalização, para entrar na Avenida Iguaçu. Porém, atravessou-se na frente do ônibus, sendo atingido.

O jovem morreu na hora e a marca de seu capacete ficou estampada no vidro dianteiro do ônibus, trincado com a pancada. O tenente J. Cruz, do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), disse que o motorista do coletivo, que estava muito nervoso e pediu para não ter seu nome divulgado, tentou freiar e desviar, mas não conseguiu evitar a colisão. Ele trabalha há 30 anos no volante e nunca havia se envolvido em acidente.