O jovem Antonio Camilo Filho, de 23 anos, foi assassinado com tiros à queima-roupa na cabeça, na madrugada de ontem, nas Moradias Vitória Régia, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC). Seu corpo foi encontrado no início da manhã, caído na Rua José Laurindo de Souza, próximo à divisa com o município de Araucária. A polícia ainda não sabe o que motivou a execução.

Moradores escutaram tiros durante a madrugada, porém por se tratar de algo comum na região, não deram importância. Somente no início da manhã, o funcionário de uma empresa de segurança localizou o corpo, próximo à calçada. No bolso da calça estava a carteira de Antonio, com documento de identificação e cartões bancários.

De acordo com o que foi apurado pela polícia, Antonio era morador da Vila Verde, loteamento situado ao lado das Moradias Vitória Régia. “Sabemos que foi uma execução, mas o motivo ainda é desconhecido”, disse o policial Marquinhos, da Delegacia de Homicídios.