Em menos de quatro horas, duas mulheres foram encontradas mortas na Cidade Industrial de Curitiba (CIC), na manhã de ontem. De acordo com o apurado pela Polícia Militar, as duas eram usuárias de droga.

A primeira vítima foi encontrada por volta de 6h30, numa pista de skate na Rua Hilda Cadilhe Oliveira, na Moradias Caiuá. De acordo com o soldado Ismael, do 13.º Batalhão da Polícia Militar, a balconista Casimelle Anacleto Luz, 28 anos, foi morta com tiro na cabeça.

Uma vizinha contou à polícia que escutou barulho de dois tiros de madrugada e, logo em seguida, ouviu um carro e uma moto deixando o local em alta velocidade.

Ela esperou amanhecer e, por volta de 6h30, foi até a cancha esportiva onde encontrou o corpo de Casimelle. A jovem tinha dois filhos e morava a duas quadras da praça.

Ao lado do corpo havia garrafas de bebida alcoólica, indicando que ela teria permanecido durante a madrugada no local. Investigadores da Delegacia de Homicídios apuraram que, além de ser usuária de crack, Casimelle estaria traficando drogas. Eles também levantaram a informação que o namorado dela, que seria traficante no bairro, estava com Casimelle naquela noite

Gabineto

Pouco antes das 10h, policiais do 13.º Batalhão foram novamente acionados para atender outro homicídio na CIC, onde a vítima também era mulher. O corpo de Aparecida de Fátima Alves Garcia 34, completamente nu, foi achado num matagal, na esquina da rua Mário Ferreira com Padre Jacinto Miensopust, Jardim Gabineto.

De acordo com o aspirante Donizete, as vestes dela (calça, blusa, sutiã e tamancos) ficaram espalhadas ao redor do corpo. Por estar despida, a polícia supõem que ela foi violentada sexualmente, mas somente exames do Instituto Médico Legal (IML) poderão confirmar a suspeita.

A vítima não apresentava ferimento aparente, podendo ter sido estrangulada. A principio cogitou-se a possibilidade dela ter ligações com traficantes. No entanto, vizinhos e amigos de Aparecida descartaram essa hipótese, dizendo que ela era uma mulher trabalhadora, honesta e que sustentava os dois filhos, de 15 e 8 anos. Na noite anterior ela teria ido a um baile com uma amiga.