Mauro negou, mas Odair e Dirceu confessaram.

Acusados de arrombar uma casa na Rua Abrão Winter, no Xaxim, Dirceu Marques, mais conhecido como “Magrão”, Odair Nicolau da Silva, 30 anos, e Mauro de Jesus, 26, foram presos por policiais do 6.º Distrito Policial (Cajuru). Dirceu e Odair confessaram o crime. Mauro jurou que é inocente. O delegado Edson Costa informou que já identificou o receptador e irá solicitar a prisão preventiva à Justiça.

Odair, que já tem passagem por furto, disse que trabalhava de estofador e está desempregado há seis meses. “Eu e o Dirceu estávamos passando. Vimos a janela aberta, entramos e pegamos os objetos. Depois saímos e vendemos tudo por R$ 300,00”, relatou. Ele garantiu que não praticou outros furtos. “O Mauro só foi buscar os objetos com o carro. Era muita coisa não dava para carregar”, acrescentou Odair.