Brasília – O segundo vice-presidente da Câmara, deputado Ciro Nogueira (PP-PI), que responde pela presidência da Casa na ausência do titular, Severino Cavalcanti (PP-PE), decidiu adiar para o dia 14 (quarta-feira) a votação, em plenário, do processo que pede a cassação do mandato do deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ), por quebra de decoro parlamentar.

A informação foi dada há pouco pela Secretaria-Geral da Mesa Diretora da Câmara, explicando que o adiamento ? a votação estava marcada para o dia 13 ? foi decidido porque a Comissão de Constituição e Justiça não concluiu hoje, e adiou para o dia 13, a votação do recurso de Jefferson sobre a nulidade do processo. Um pedido de vistas provocou o adiamento.

No recurso, Roberto Jefferson alega não ter tido "amplo direito de defesa" durante o julgamento no Conselho de Ética.