Um prédio comercial do bairro Água Verde, em Curitiba, foi alvo de um arrastão na madrugada desta quinta-feira (29). Dois homens invadiram o edifício de nove andares, na Travessa Rafael Greca, por volta de 1h30 e levaram notebooks, celulares e dinheiro das salas comerciais. Em aproximadamente três horas de invasão, o prejuízo estimado é de mais de R$ 30 mil. Das 56 salas comerciais do prédio, pelo menos 20 foram invadidas.

De acordo com o administrador do condomínio, Luiz Fernando de Oliveira Junior, câmeras de vigilância dos prédios vizinhos gravaram o momento em que os ladrões invadiram o condomínio. “Eles passaram pelos prédios vizinhos, pularam a cerca nos fundos do nosso condomínio, quebraram uma janela e subiram pelas escadas de incêndio”, afirma.

+Leia também: Preso homem que participou violento assalto a banco com reféns

Há possibilidade de os criminosos já conhecerem o prédio, já que a dupla sabia o posicionamento das câmeras internas e conseguiram desativar o alarme. Além disso, os dois só entraram em salas que tinham itens eletrônicos. “Eles usaram um pé-de-cabra e deixaram um rastro de destruição”, lamenta Oliveira.

Os ladrões estavam com o rosto coberto e fugiram com duas mochilas cheias de produtos roubados. “Foram pelo menos 13 notebooks e vários celulares. Além disso, fica o prejuízo do condomínio porque destruíram as portas das salas e teremos que investir ainda mais em segurança”, pontua o administrador do prédio.

Uma equipe do Instituto de Identificação da Polícia Civil esteve no local na manhã desta quinta para colher digitais de suspeitos. O trabalho da equipe durou cerca de duas horas e os resultados devem estar disponíveis em aproximadamente 30 dias. O caso será investigado pela Delegacia de Furtos e Roubos (DFR).

Termina na sexta (30) prazo para pedir desconto no IPTU pelo Nota Curitibana