enkontra.com
Fechar busca

Notícias

Requião quer fim da fila de caminhões em 72 horas

  • Por Redação O Estado Do Paraná

O governador Roberto Requião disse nesta sexta-feira (28) que espera que a fila de caminhões formada no Porto de Paranaguá – por causa do protesto do Sindicato dos Transportadores Rodoviários Autônomos de Bens do Estado do Paraná (Sindicam) no pátio de triagem do terminal ? termine em 72 horas e que não será mais pressionado por interesses que prejudiquem a economia do Paraná.
A afirmação foi feita pelo governador ao assinar um decreto que acaba com um convênio, assinado no governo anterior, e que dava ao Sindicam a administração do pátio. Com a medida, a administração do espaço volta a ser de responsabilidade da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA).
A decisão tomada pelo governador e pela direção do porto foi discutida com lideranças de 11 sindicatos ligados ao serviço portuários, dos quais a administração do Porto recebeu apoio unânime. De acordo com o governador, o Sindican utilizou um convênio que, criado para melhorar o serviço portuário, acabou servindo para fechar o porto, pressionar o Sindicato dos Terminais e, ainda, prejudicar a exportação do Paraná.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas