enkontra.com
Fechar busca

Política

Governo define mudanças na política de saúde

  • Por Redação O Estado Do Paraná

O secretário estadual da Administração e Previdência, Reinhold Stephanes, anunciou ontem as principais alterações que serão promovidas na área de saúde, que terão início ainda este ano. “Em uma reunião com os secretários decidimos pela criação do IPE Saúde, uma promessa de campanha do governador Roberto Requião (PMDB). Os estudos técnicos e financeiros foram feitos, e no prazo de um ano tudo já estará funcionando”, afirmou.

O sistema será bem diferente do que vinha sendo realizado pelo governo passado. Durante sua gestão, o governador Jaime Lerner (PFL) extinguiu o Instituto de Previdência do Estado (IPE), e criou o ParanáPrevidência e o Sistema de Assistência à Saúde (SAS). Hoje o SAS atende 360 mil pessoas, entre servidores, pensionistas e dependentes, em onze hospitais credenciados. Segundo os servidores, como o atendimento foi terceirizado, a cobertura de saúde não abrange todas as especialidades, assim como as cirurgias de alta complexidade.

“O Requião assumiu o compromisso de aperfeiçoar o sistema. Por isso o SAS vai deixar de ser terceirizado e passará a ser vinculado a uma autarquia, que fará o controle”, explicou o secretário.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas