Um acidente envolvendo um avião monomotor em Ponta Grossa, nos Campos Gerais chamou a atenção na manhã deste domingo (29). O acidente ocorre uma semana após a queda de um avião que causou a morte do deputado Bernardo Ribas Carli, do piloto Laércio Tavares da Silva e do co-piloto Luis Fernando Correia de Souza.

A aeronave era utilizada para treinamento e parou de rodas para cima após um acidente durante um exercício de aterrissagem e decolagem. Aluno e instrutor estavam na aeronave e não se feriram.

Depois do acidente, a aeronave foi retirada da pista e levada ao hangar do Aeroclube de Ponta Grossa. O Aeroporto Santana ficou interditado por cerca de uma hora. Nenhum voo atrasou.

“Nenhuma mãe merece isso”, diz Christiane Yared após morte de irmão de Carli Filho