A senadora do estado norte-americano de Maine, Susan Collins, disse que é contra a última tentativa dos republicanos de modificar a lei de saúde. Isso significa que o projeto tem mais oponentes que o necessário para não passar.

A única esperança que resta à Casa Branca e aos líderes republicanos é mudar a cabeça dos oponentes, no confronto que deve acontecer nesta semana.

John McCain, do Arizona; Rand Paul, do Kentucky; e Ted Cruz, do Texas também disseram que se opõem à proposta. Todos os democratas e independentes votarão “não”, então a oposição de apenas três republicanos afundaria o projeto. Fonte: Associated Press.