O partido Rússia Unida, do primeiro-ministro Vladimir Putin, venceu com folga as eleições regionais deste fim de semana na Rússia. A sigla retomou o controle de seis províncias e de várias grandes cidades do país, segundo os resultados divulgados nesta segunda-feira. O apoio para o Rússia Unida chegou a 57,76%, informou a comissão eleitoral.

O secretário do partido, Vyacheslav Volodin, disse que os resultados mostram que o apoio ao governo segue forte, apesar das críticas pelo modo como a administração lidou com uma onda de calor no verão, que provocou vários incêndios. O partido governista foi pior na região siberiana de Novosibirsk, com apenas 44,54%. Nessa área, o Partido Comunista ficou com 25,58% dos votos.

O líder dos comunistas, Gennady Zyuganov, denunciou os resultados como fraudados. Ele disse que reclamará do fato na Corte Europeia de Direitos Humanos. Já Vladimir Churov, chefe da comissão eleitoral, negou qualquer irregularidade. Segundo ele, a média de comparecimento ficou em 49,14%, cerca de 10% acima da registrada nas eleições regionais anteriores. As informações são da Dow Jones.