O Partido Comunista da China começou a investigar um funcionário de alto escalão da província de Sichuan, no sudoeste do país, de acordo com informações da mídia estatal.

É a primeira investigação de um político sênior desde que Xi Jinping tornou-se o novo líder do partido, no mês passado.

Li Chuncheng, vice-líder do partido em Sichuan, não apareceu em um encontro, após o anúncio das investigações.

As suspeitas em relação a Li podem estar ligadas, segundo relatos da mídia chinesa, ao empresário Dai Xiaoming, presidente de um um grupo de investimentos estatal sob investigação interna do partido.