enkontra.com
Fechar busca

Mundo

mundo

Marcha de mulheres em Paris tenta imprimir imagem pacífica a movimento

  • Por Estadão Conteúdo

Centenas de mulheres vestindo coletes amarelos marcharam por Paris neste domingo, numa tentativa de estabelecer uma imagem pacífica para o movimento de protesto contra as políticas do presidente Emmanuel Mácron. O ato ocorre um dia depois de manifestações registrarem, mais uma vez, atos de violência. Algumas mulheres carregavam, placas que diziam “Eu sou sua filha” ou “Eu sou sua avó”. As mulheres também marcharam em outras cidades da França.

Na manifestação de sábado, algumas mulheres levaram balões amarelos e, a certa altura, se ajoelharam em um minuto de silêncio pelas 10 pessoas mortas e muitas outras feridas desde o início do movimento, em meados de novembro.

O movimento que ficou marcado pelo uso de coletes amarelos por seus manifestantes está perdendo fôlego por conta da repetida violência em manifestações semanais.

No protesto deste sábado, em Paris, a atmosfera foi calma na maior parte do tempo, mas ficou tensa quando alguns manifestantes tentaram atravessar o rio Sena em uma ponte para pedestres fora da rota oficial da marcha, que ia da Prefeitura para a Assembleia Nacional. A polícia usou bombas e gás lacrimogêneo para conter manifestantes e restringiu a passagem pela ponte, e a violência eclodiu. Motos e carros foram incendiados no Boulevard Saint Germain e barricadas foram montadas no meio da rua e incendiadas. A polícia de choque e os bombeiros entraram no local. Um restaurante em um barco atracado na margem esquerda do Sena pegou fogo. Alguns confrontos entre polícia e manifestantes também ocorreram em outras cidades da França, como Bordeaux e Rouen.

Fontes: Associated Press

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas