autoridades italianas executaram 170 ordens de prisão contra supostos membros da máfia ‘ndrangheta, uma organização criminosa com fortes laços com a economia do norte do país, afirmaram autoridades nesta quarta-feira.

Segundo o chefe da promotoria antimáfia, Franco Roberti, a ação é “histórica” na luta contra a máfia. Roberti afirmou que as investigações mostraram que a ‘ndrangheta tem forte penetração na economia e meio político do norte. Fonte: Associated Press.