Cinco empresários iraquianos envolvidos na construção de uma delegacia e de um centro para a juventude foram mortos em um ataque realizado na madrugada desta segunda-feira, informaram a polícia e funcionários do setor de saúde. Os homicídios ocorreram no bairro de al-Shouhada, em Samarra, 110 quilômetros ao norte da capital, Bagdá, disse um coronel pedindo anonimato. Outros dois homens ficaram feridos.

“Eles os mataram com armas e facas”, contou o policial do Iraque. “Os homens eram de outra área e estavam trabalhando em Samarra para construir um centro para jovens e uma delegacia na cidade.” O médico Khalid al-Bazi, do hospital da cidade de Samarra, disse que cinco corpos foram recebidos. Três das vítimas foram mortas a tiros e as outras duas, esfaqueadas. As informações são da Dow Jones.