Faleceu hoje o físico José Leite Lopes, de 87 anos, uma das principais figuras da ciência no Brasil. Ele foi fundador Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF), do Instituto de Física da Universidade do Rio de Janeiro e primeiro presidente da Sociedade Brasileira de Física.

Em 1958, o físico estabeleceu a equação que mostrava a semelhança entre duas das forças fundamentais do universo: a nuclear fraca e o eletromagnetismo. Com base nos trabalhos de Leite Lopes, os cientistas Steve Weinberg, Sheldon Glashow e Abdus Salam desenvolveram a unificação entre as duas forças e conquistaram o Prêmio Nobel de Física de 1979.

Em nota sobre o falecimento, o CBPF diz que "além de cientista, o professor Leite Lopes era também um humanista excepcional", e que " o exemplo que ele nos deixa como cientista, professor e humanista será uma semente que frutificará saudavelmente no espírito de jovens cientistas brasileiros".