Os trabalhadores da Varig planejam entrar nesta segunda-feira (07) com uma ação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), no Rio, para pedir a liberação imediata do FGTS para os empregados que ingressaram na companhia até 2002, além do recebimento do seguro desemprego. A informação foi dada pela presidente do Sindicato Nacional dos Aeroviários, Selma Balbino.

Funcionários da Varig se reuniram pela manhã no auditório da OAB-RJ para obterem mais informações sobre as 5.500 demissões que estão sendo realizadas e sobre as garantias de verbas rescisórias e salários atrasados. Neste início de tarde, eles realizam uma passeata até a sede do TRT.