A Panasonic Corp. quer elevar suas vendas globais em cerca de 50%, para 1,5 trilhão de ienes, até março de 2016, através da ampliação das vendas no exterior de aparelhos como refrigeradores e ar condicionado, disseram autoridades da empresa segundo àgência Kyodo.

A empresa também quer ampliar a produção no exterior com a construção de fábricas no Brasil, Índia e Vietnã para a produção de máquinas de lavar e ar condicionado. O plano é iniciar as operações a partir de 2012.

A ideia é elevar a receita com o fortalecimento das vendas de produtos devido à forte demanda em economias emergentes e na Europa, em um momento em que enfrenta uma crescente batalha em meio à queda dos preços de TVs de tela plana.

A Panasonic planeja estabelecer bases de pesquisa na Rússia e nos Emirados Árabes Unidos a partir de abril de 2012 para estudar o estilo de vida e as preferências dos consumidores, disseram representantes. A medida tem o objetivo de desenvolver produtos que reflitam diferentes necessidades de mercado. As informações são da Dow Jones.