O Banca Monte dei Paschi di Siena precisará de um aumento de capital de 2,5 bilhões de euros em 2014 como parte de um plano de reestruturação originalmente lançado no ano passado para poder receber um empréstimo do governo italiano. A informação foi divulgada neste domingo, por meio de nota, pelo Ministério da Economia da Itália.

O aumento de capital é substancialmente maior do que a quantia inicialmente projetada pelo banco, de 1 bilhão de euros.

O banco já havia recebido em fevereiro um empréstimo de 4,1 bilhões do governo e concordou em executar uma série de medidas de reestruturação com o objetivo de voltar a dar lucro em 2015.

“A recapitalização do banco é destinada a reembolsar mais rápido uma parte relevante dos novos instrumentos financeiros emitidos pelo Monte dei Paschi e garantidos pelo Ministério da Economia”, diz a nota. Fonte: Dow Jones Newswires.