Curitiba deverá receber aproximadamente 508 mil turistas na Copa do Mundo de 2014. A estimativa foi divulgada pelo Ministério do Turismo e é resultado de pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV) para traçar um perfil dos turistas que movimentarão a economia das cidades-sede do mundial daqui a três anos.

Maurilo Cheli/SMCS
Atualmente a capital recebe cerca de 3,4 milhões de turistas por ano, média de 283 mil por mês.

Atualmente, Curitiba recebe cerca de 3,4 milhões de turistas por ano – uma média de 283 mil por mês. “A Copa será uma grande oportunidade para mostrarmos aos visitantes brasileiros e estrangeiros que Curitiba é um destino de qualidade e que está preparada para recebê-los”, diz a presidente do Instituto Municipal de Turismo, Juliana Vosnika.

O estudo do Mistério do Turismo foi baseado em pesquisas com o público da Copa do Mundo da África do Sul, em 2010, e na movimentação do turista brasileiro.

Entre os visitantes que deverão vir a Curitiba, 406.944 serão brasileiros, e 101.390, estrangeiros. “A participação expressiva de estrangeiros no evento proporcionará oportunidades de trabalho, gerando receitas e divisas para a cidade”, afirma Juliana.

A pesquisa mostra que o turista estrangeiro deverá gastar, em média, R$ 11,4 mil durante os dias em que permanecer no Brasil. A média de permanência será de 17,6 dias e a maior parte dos visitantes aproveita a chance para conhecer novos lugares. Neste período, os turistas devem visitar, em média, 3,8 cidades.

Pesquisa

O levantamento do Ministério do Turismo mostra que a Copa no Brasil movimentará três milhões de turistas brasileiros e 600 mil estrangeiros.

Os estrangeiros vão realizar quase dois milhões de viagens pelas cidades-sede. Já os brasileiros que circularão pelo País durante a Copa farão seis milhões de viagens pelos 12 municípios.

A cidade que deverá receber o maior número de estrangeiros é o Rio de Janeiro, com 413 mil.

Capacitação

Desde 2005, o Instituto Municipal de Turismo oferece curso gratuito para qualificar profissionais ligados ao setor. O curso é chamado de Oficina de Sensibilização para o Atendimento e Informações Turísticas e teve algumas adaptações para preparar os participantes para a Copa de 2014.

O curso é aberto aos profissionais da cadeia produtiva do turismo e estudantes do setor para a melhoria do atendimento e informações aos visitantes.

“Capacitar os futuros profissionais e também quem já atua na área é uma ação significativa para o desenvolvimento turístico da cidade”, diz Juliana. “Nada melhor que ter gente preparada para bem receber o visitante, ainda mais na Copa”.

Desde 2005, o Instituto Municipal de Turismo qualificou aproximadamente sete mil profissionais. Os participantes são orientados sobre como buscar informações sobre roteiros e pontos de interesse por meio de mapas, folders, nos nove Postos de Informações Turísticas (Pits) da cidade ou pelo serviço Disque-Turismo, pelo telefone (41) 3352 8000.

Por fim, o curso inclui city tour, com acompanhamento de um guia, pelo percurso dos ônibus da Linha Turismo, que passam pelos principais atrativos da cidade.