O deputado federal José Mentor (PT-SP) presta depoimento hoje (6) na Polícia Federal em Brasília. O deputado recebeu, por intermédio de seu escritório de advocacia, R$ 120 mil da empresa 2S Participações, que pertence a Marcos Valério. Mentor argumenta que o pagamento foi feito pelo escritório Tolentino, Melo & Associados por conta da elaboração de parececeres jurídicos do escritório do qual é sócio.

José Mentor foi relator da Comissão Parlamentar de Inquérito do Banestado, que investigava evasão de divisas e lavagem de dinheiro. Um dos bancos investigados era o Rural, utilizado por Marcos Valério para repassar dinheiro a deputados.