O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta quarta-feira a compra do Shoptime pela Americanas.com e a compra da companhia Ingresso.com pelo grupo Submarino. As duas fusões foram fechadas no ano passado. As empresas fazem parte do mercado de vendas de produtos a distância, seja por meio da internet ou de canal fechado de televisão.

Com a compra do Shoptime, o grupo brasileiro Americanas com passou a deter 99,36% do capital social da concorrente. As duas atuam no segmento de vendas a distância de eletrodomésticos produtos de informática e artigos de supermercado em geral. Após o negócio, a Americanas.com aumentou sua participação nesse tipo de mercado varejista de 22,7% para 32,5%.

Apesar da elevação, o Cade concluiu que há garantia de competição neste mercado porque ainda existem o grupo Submarino, com uma participação de 19%, a Globex/Ponto Frio, com 8,8%, e outras companhias menores, que detêm 39,7% do mercado.

No caso da compra da Ingresso.com pela Submarino, o conselho aprovou o negócio em rito sumário, que significa que não houve indício de que a fusão traria problemas à concorrência Na visão do conselho, isso fica claro pelo fato de a Submarino nunca ter atuado antes no segmento de venda a distância de ingresso para eventos.