A União Nacional dos Estudantes (UNE) lança hoje, em Brasília, a campanha “50% do Fundo do Pré-Sal para a Educação e Pela Nova lei do Petróleo”. Durante todo o dia, estão previstas manifestações nos corredores do Congresso Nacional para sensibilizar os parlamentares sobre a questão educacional, informou a entidade. Outro ponto da campanha da UNE é a defesa de um novo marco regulatório do petróleo, que garanta o controle estatal da produção.

De acordo com a UNE, os estudantes reivindicam que metade de todos os recursos que serão destinados ao fundo social, que será criado pela União, seja aplicado na educação do País. À tarde, a entidade participará de uma audiência com o relator da Comissão Especial do Marco Regulatório do Fundo Social do Pré-Sal, Antonio Palocci (PT-SP).