O senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) disse que o comandante da Aeronáutica, Juniti Saito, informou que vai ser construída uma área de escape no Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo. A obra visa aumentar a segurança do aeroporto em caso, por exemplo, da interrupção de emergência de uma decolagem.

Segundo o senador, a obra está estimada em US$ 4 milhões, valor que considera pequeno. A informação foi dada após uma sessão fechada da Comissão de Relações Exteriores do Senado, realizada hoje em Brasília.