Os 20 vencedores do Edital de Seleção Pública de Projetos Cinematográficos 2007 receberão do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) recursos no valor de R$ 12,9 milhões, para investimento na produção e finalização de filmes de longa metragem.

O anúncio foi feito pela diretoria da instituição e, segundo a assessoria de imprensa, são obras de ficção, de animação e documentários. Os de animação tiveram o teto, anteriormente fixado em R$ 1 milhão, equiparado ao dos filmes de ficção, de R$ 1,5 milhão.

O BNDES recebeu 182 projetos e dos 20 aprovados, 15 são de ficção, três de animação e dois documentários.  São nove do Rio de Janeiro, sete de São Paulo, dois do Paraná, um da Bahia e um do Rio Grande do Sul.

Participaram da seleção somente os projetos já aprovados pela Agência Nacional de Cinema (Ancine) e com protocolo de registro de emissão e distribuição de Certificados de Investimento Audiovisual na Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Os vencedores deverão apresentar em 30 dias os documentos necessários à contratação.

Desde 1995 os desembolsos do BNDES para o setor, no âmbito da Lei do Audiovisual, superam R$ 93 milhões.