A bancada do PMDB na Câmara dos Deputados marcou para dia 29 a eleição do novo líder do partido. A escolha ocorrerá duas semanas após a destituição do deputado Wilson Santiago (PB) por ter assinado requerimento pedindo a convocação de uma reunião extraordinária da executiva da legenda O ato foi considerado como traição pelos defensores do lançamento de uma candidatura própria da sigla nas eleições deste ano, que reuniram assinaturas suficientes para substituir Santiago pelo deputado Waldemir Moka (MS).