“Grid” de Curitiba reuniu
19 picapes na Copa Petrobrás.

A etapa de Curitiba vai ficar marcada na história da Copa BR Petrobras Pick-up Racing. Até agora, ninguém tinha conseguido alcançar o lugar mais alto do pódio além do gaúcho João Campos. Em 2001, ele conquistou o título vencendo todas as corridas e, neste ano, chegou em primeiro nas seis provas realizadas durante as três etapas. Mas o reinado de Campos chegou ao fim no Grande Prêmio Compagás, realizado no último domingo (4/8), no Circuito Raul Boesel.

Na primeira prova, o paranaense Emerson Duda venceu de ponta-a-ponta e na segunda a vitória ficou com Nelson Bazzo. Com o fim da invencibilidade de Campos, a Pick-up Racing entra numa nova era. Movidas a GNV, as caminhonetes Ranger, S10 e Dakota, apresentaram um desempenho muito similar ao que tinham quando utilizavam gasolina como combustível.

Emerson Duda manteve a primeira posição, na primeira prova, apesar da pressão do segundo colocado, o gaúcho Nelson Bazzo, no final da reta dos boxes. João Campos tentou passar seu conterrâneo, mas Bazzo “fechou a porta” e segurou o líder nos primeiros 3.707 metros do circuito de Curitiba. Atrás deles, foram poucas trocas de posições. A de maior destaque foi o salto de Fabrício Lançoni da décima terceira para a oitava posição. O resultado final da 1.ª prova foi o seguinte: Resultado 1.ª prova: 1.º) Emerson Duda, (PR), Ranger; 2.º) Nelson Bazzo (RS), S10; 3.º) João Campos (RS), Ranger; 4.º) Milton Vianna/Geraldo Sermann (PR), S10; 5.º) Alceu Feldmann (PR), S10; e em 6.º) Plínio Pessoa/Fabrício Lançoni (PR), S10. Melhor volta: Nelson Bazzo, 1min40s960.

Na segunda prova, Nelson Bazzo largou mal e caiu da segunda para a quinta posição. Com isso, Emerson Duda se manteve na ponta, seguido por João Campos e Alceu Feldmann, que é companheiro de equipe de Chico Serra na Stock Car V8. Antes de completar a segunda volta, Feldmann passou Campos e começou a pressionar Duda, que passou direto no final da reta dos boxes e perdeu a primeira posição. “Tinha óleo na pista e não consegui segurar o carro”, lamenta o piloto, que caiu para a oitava posição na corrida. O resultado final da 2.ª prova foi: 1.º) Nelson Bazzo; 2.º) João Campos; 3.º) Emerson Duda; 4.º) Milton Vianna/Geraldo Sermann; 5.º) Jairo Sabatini; 6.º) Plínio Pessoa/Fabrício Lançoni; e em 7.º) Kau Machado. Melhor volta: Emerson Duda, 1min40s192 Classificação

A classificação da Copa BR Petrobras Pick-up Racing é a seguinte: 1.º) João Campos (RS), 147 pontos; 2.º) Emerson Duda (PR), 122; 3.º) Nelson Bazzo (RS), 69; 4.º) Kau Machado (PR), 54; 5.º) Maria Christina Moreira (PR), 42; e em 6.º) Plínio Pessoa/Fabrício Lançoni (PR), com 38 pontos ganhos.