O público dificilmente notará a diferença, mas os bastidores do Teatro José Maria Santos passaram por uma grande reforma. O trabalho começou há dois anos com a remodelação do palco, abertura de boca de cena e novos banheiros, além de melhorias na parte elétrica e de iluminação.

Agora, o teatro ganha um novo setor técnico para guardar todos os itens de iluminação, sonoplastia e contra-regragem. A localização da nova sala, de 60 metros quadrados atrás do palco, facilita o trabalho da equipe técnica do teatro e acomoda com mais segurança os equipamentos usados durante os espetáculos.

Já no Guairão, no fundo da platéia, foi construída uma saída de cabos, para ligar diretamente a mesa de controle de som ao palco, eliminando os fios que ficavam estendidos no chão. As empresas que fazem este tipo de serviço terão de se adequar a esta nova exigência técnica do teatro.

Também, a partir de agora, serão medidos os decibéis de alguns shows. A vibração do som muito alto está provocando danos, principalmente nas luminárias do Guairão que terão que ser substituídas. As novas peças serão feitas artesanalmente porque não existe mais no mercado as luminárias feitas há 50 anos, quando o teatro foi inaugurado.

No Guairinha foi construída uma rampa de acesso para cadeira de rodas e concluído o restauro das paredes externas.