enkontra.com
Fechar busca

+ Pop

Homenagem ao professor Alfredo Andersen

O Museu Alfredo Andersen abre hoje cinco exposições que homenageiam o artista curitibano em seus tempos de professor. As mostras O precursor do ensino na arte do Paraná e Projeto Andersen na escola utilizam materiais como óleos, acrílicos, lápis e papéis colados sobre tela.

Rones Dumke expõe suas obras em A arte silenciosa de Rones Dumke e a artista Soraia Savaris apresenta suas peças de cerâmica produzidas nos últimos três anos na exposição Ser fruto. Além do artista Osvaldo Gaia, do Pará, com a mostra Percepção.

Dando continuidade às comemorações dos 150 anos de Alfredo Andersen, o museu que carrega seu nome inaugura a exposição O precursor do ensino na arte do Paraná, que traz fotos e obras do artista nos tempos em que lecionava.

Além das suas aulas no atelier, Andersen desde o início ensinava desenho na Escola Alemã e no Colégio Paranaense. Em 1909, a convite da direção da Escola de Artes e Indústrias, iniciou um curso de desenho.

Ainda homenageando Alfredo Andersen como professor, o Projeto Andersen na escola é formado por uma seleção de obras de alunos de diversas escolas que visitam o Museu em períodos letivos, participam de oficinas e conhecem um pouco mais sobre a história e estilo do artista, agregando conhecimentos em um ambiente diferente do escolar.

Serviço

Abertura de cinco exposições em homenagem a Alfredo Andersen (1860 – 1935).
Hoje, às 18h30, no Museu Alfredo Andersen (Rua Mateus Leme, 336).
De terça a sexta-feira, das 9h às 18h. Sábados, domingos e feriados, das 10h às 16h. A exposição fica até o dia 24 de outubro e a entrada é gratuita.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas