enkontra.com
Fechar busca

+ Pop

mais-pop

Estreias da semana nos cinemas

  • Por Estadão Conteúdo

Confira os filmes que chegam esta semana aos cinemas da cidade de São Paulo:

PRÉ-ESTREIAS

Cyrano Mon Amour (Edmond, França/2018, 105 min.) – Comédia. Dir. Alexis Michalik. Com Thomas Solivérès, Olivier Gourmet. Em 1897, o escritor Edmond Rostand não produz nada há dois anos. Desesperado por trabalho, oferece ao grande Constant Coquelin uma nova peça em versos. Para Edmond, há apenas uma preocupação: o texto ainda não foi escrito. 14 anos.

Divino Amor (Brasil/2017, 100 min) – Drama. Dir. Gabriel Mascaro. Com Dira Paes, Júlio Machado, Teca Pereira. Joana trabalha como escrivã em um cartório e, profundamente religiosa e devota à ideia da fidelidade conjugal, sempre tenta persuadir os casais que pedem divórcio a desistirem da ideia. Até o momento em que ela própria enfrenta uma crise no casamento. 18 anos.

ESTREIAS

Casal Improvável (Long Shot, Estados Unidos/2018, 126 min.) – Comédia. Dir. Jonathan Levine. Com Charlize Theron, Seth Rogen. Solitário e sem emprego, o jornalista Fred Flarsky se esforça para tentar mudar sua realidade. É quando se reencontra com a sua antiga babá, que hoje se tornou uma das mulheres mais poderosas do mundo. 16 anos.

Deslembro (Brasil/2018, 96 min.) – Drama. Dir. Flavia Castro. Com Jeanne Boudier, Eliane Giardini. Após o pai ser preso, Joana passou a viver em Paris. De volta ao Rio de Janeiro, ela terá de se acostumar com as lembranças que a cidade traz. 14 anos.

Espírito Jovem (Teen Spirit, Inglaterra-Estados Unidos/2019, 93 min.) – Musical. Dir. Max Minghella. Com Elle Fanning, Zlatko Buric, Rebecca Hall. Violet vive com sua família desajustada em uma pequena cidade, mas sonha em ser uma pop star. Com a ajuda de um mentor, ela entra em uma competição internacional de canto. 12 anos.

Graças a Deus (Grâce à Dieu, França/2019, 137 min.) – Drama. Dir. François Ozon. Com Melvil Poupaud, Denis Ménochet, Swann Arlaud. Um dia, Alexandre toma coragem para escrever uma carta à igreja católica, revelando um segredo: quando era criança, foi abusado sexualmente por um padre. 14 anos.

Maya (França-Alemanha/2018, 105 min.) – Drama. Dir. Mia Hansen-Love. Com Roman Kolinka, Aarshi Banerjee, Alex Descas. Gabriel é um repórter francês de 30 anos que construiu sua carreira no jornalismo por meio da perigosa cobertura de guerras. Resgatado após meses preso num cativeiro na Síria, ele se afasta do trabalho
para se reencontrar na Índia, onde passou parte da infância. 14 anos.

Relatos do Front – Fragmentos de uma Tragédia Brasileira (Brasil/2018, 95 min.) – Documentário. Dir. Renato Martins. Enquanto o Rio de Janeiro vive um de seus momentos mais difíceis de segurança pública, aqueles que convivem diariamente com a violência e o medo da morte fazem de tudo para que consigam sobreviver mais um dia. 14 anos.

Santiago, Itália (Santiago, Italia, Itália-França-Chile/2018, 80 min.) – Documentário. Dir. Nanni Moretti. Com Nanni Moretti. Cenas de arquivo e entrevistas de diversos personagens retratam o papel da embaixada italiana durante o golpe militar, que derrubou o presidente Allende e instituiu uma violenta ditadura no Chile. Muitos opositores buscaram abrigo no local e conseguiram, com isso, asilo na Itália. 12 anos.

Toy Story 4 (Estados Unidos/2019, 100 min.) – Animação. Dir. John Lasseter, Josh Cooley. Woody, Buzz, Jesse e toda a turma vivem felizes, agora como brinquedos da pequena Bonnie. Mas a chegada de um garfo transformado em brinquedo,
Garfinho, faz com que a calmaria chegue ao fim, justamente porque ele não se aceita como brinquedo. Livre.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas