O técnico do Barcelona, Tito Vilanova, mostrou compreender a decisão do goleiro Victor Valdés, que anunciou, de forma irrevogável, não renovar o seu contrato com o clube, que termina no fim da próxima temporada, em junho de 2013. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, o treinador mostrou respeito pela decisão do titular da meta catalã.

“Cada um é livre para trabalhar onde quiser. Victor não pediu para sair, somente disse que não renovará seu contrato e temos que respeitar”, disse Vilanova, que garante que Valdés não perderá a vaga de titular: “enquanto ele estiver conosco, ele é nosso goleiro e devemos ajudá-lo assim como ele fará conosco”.

O treinador elogiou a postura do goleiro de 31 anos, que está desde os 12 no clube e há 11 temporadas joga entre os profissionais. “Ele foi direto e sincero. Isso tem que ser valorizado. Nunca é um bom momento para um jogador como Valdés anunciar que vai sair do clube”, comentou ele, um dia depois da decisão do treinador.

Vilanova garantiu que Valdés não vai perder a titularidade e pediu que a torcida continue a apoiá-lo. “O mais importante é que as pessoas respeitem a sua decisão. Espero que sua saída seja correspondente ao maior goleiro que tivemos em muitos anos.”