O piloto Casey Stoner realizou nesta quinta-feira uma cirurgia no tornozelo direito, em razão da forte acidente sofrido no treino de classificação para a etapa de Indianápolis da MotoGP, no dia 18 de agosto. A Honda confirmou que o australiano foi operado, mas evitou fazer uma previsão do período que o seu piloto precisará ficar afastado das pistas.

“Hoje, na Austrália, o piloto da Honda foi operado no tornozelo, que ficou danificado depois da queda na classificação da etapa de Indianápolis, há 12 dias. A operação foi realizada pela equipa do Dr. Lam no Sydney North Shore Private Hospital”, anunciou a equipe.

Segundo a Honda, a cirurgia, realizada em Sydney, foi bem-sucedida. Assim, Stoner já foi liberado do hospital para dar início ao processo de recuperação. A equipe, porém, explicou que os médicos precisam aguardar a evolução do australiano nos próximos dias para definir o tempo de recuperação.

“Os médicos estão satisfeitos pela forma como a cirurgia correu e agora é necessário esperar pelo período inicial de recuperação para avaliar como o tornozelo vai evoluir. Sem complicações e sem a necessidade de Stoner ficar no hospital, o piloto voltou para casa e a Honda vai fazer todo o possível para compartilhar informações sobre a recuperação do australiano à medida que forem sendo divulgadas”, disse.

O acidente de Stoner aconteceu na curva 13 do circuito de Indianápolis, quando o australiano perdeu o controle da sua moto e caiu violentamente na caixa de brita. Em razão disso, ele rompeu o ligamento do tornozelo direito, além de ter sofrido pequenas fraturas nos ossos da perna.

Apesar disso, Stoner participou da corrida em Indianápolis e terminou na quarta colocação. Depois, porém, foi aconselhado pelos médicos a não correr na etapa da República Checa da MotoGP no último fim de semana. Campeão mundial em 2007 e 2011, o australiano já anunciou que vai se aposentar após o encerramento desta temporada e ocupa a terceira colocação no campeonato, com 186 pontos, atrás dos espanhóis Jorge Lorenzo e Dani Pedrosa.