O Brasil Open não contará com seu principal favorito ao título neste ano. Às vésperas de sua estreia, o espanhol Feliciano López alegou problemas físicos para anunciar nesta segunda-feira que desistiu do torneio de nível ATP 250, disputado no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo.

Cabeça de chave número 1 da competição, López sofreu uma contusão na coxa direita durante a final do ATP 250 de Quito, no domingo. Ele chegou a receber atendimento médico em quadra, mas seguiu na partida, na qual foi derrotado pelo dominicano Victor Estrella Burgos por 2 sets a 1, no Equador.

Sem tempo para se recuperar, o atual número 14 do mundo preferiu desistir do Brasil Open, cuja chave principal tem início nesta segunda-feira. López estrearia direto na segunda rodada (equivalente às oitavas de final), por ser um dos favoritos, provavelmente na quarta ou quinta-feira.

Um tenista do qualifying, que ainda conta com partidas nesta segunda, deve ocupar o lugar do espanhol na chave principal. Seria a primeira vez que López jogaria o Brasil Open. Sem o jogador, o também espanhol Tommy Robredo, segundo cabeça de chave, se torna o principal favorito ao título no Ibirapuera.