Atual dono da lateral direita do São Paulo, mas zagueiro de origem, Paulo Miranda não teme a possível vinda de reforços para estas posições e vê a disputa por vaga na equipe titular como saudável. Os dirigentes da Ponte Preta revelaram que existe interesse do clube do Morumbi pelo lateral Cicinho, que muitas vezes atua como meia ou ponta, e pelo zagueiro Cléber.

“A concorrência sempre vai existir no São Paulo. Temos, por exemplo, o Douglas, que é lateral-direito, o Rodrigo Caio, que pode jogar por ali. Para mim é sempre uma motivação a mais”, declarou Paulo Miranda.

A diretoria do São Paulo negou que tenha feito alguma proposta para contar Cicinho ou Cléber e estima-se que a pedida da Ponte Preta seja alta pelos atletas. Os dois jogadores fizeram boa campanha pelo time campineiro em 2013 e disseram que só conversariam com outros clubes depois da participação no Campeonato Paulista, encerrada no domingo com a derrota para o Corinthians nas quartas de final.

O próprio Corinthians, aliás, seria um dos concorrentes do São Paulo na disputa pelo zagueiro Cléber. O time do Parque São Jorge também teria sondado a Ponte Preta para saber a pedida do clube pelo jogador. Já Cicinho também estaria atraindo interesse de Internacional e do Cruzeiro.

Independentemente dessas negociações, Paulo Miranda segue se colocando à disposição para atuar tanto como zagueiro quanto lateral. O jogador, aliás, não vê diferença de concorrência entre as posições. “Os dois setores estão bastante disputados, temos jogadores bons tanto na lateral quanto na zaga”, avaliou.