O Paraná Clube venceu o Operário por 1×0 em Ponta Grossa e voltou provisoriamente ao G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Na noite desta terça-feira (8), no estádio Germano Krüger, o Tricolor superou o Fantasma em um jogo nervoso, com muitas faltas e reclamações, até com expulsão de jogador do time mandante, e subiu três posições na tabela, retornando à área de acesso.

Porém, a vaga entre os quatro primeiros durou pouco. Logo depois, o América-MG derrotou o líder Bragantino por 2×0 e pulou para o quarto lugar por causa do número de vitórias (11 contra 10).

Como mandante perigoso que é, o Operário começou o jogo fazendo valer o fator casa e criando as melhores oportunidades, mas o Paraná, apesar de ter menos volume, conseguiu ser mais preciso e sair na frente ao fim da primeira etapa. O Tricolor segurou o resultado com um a mais em campo e fez com que a equipe do interior fosse derrotada diante da sua terceira, algo que aconteceu apenas pela terceira vez nesta Segundona.

+ Confira como foi o jogo no Tempo Real da Tribuna!

O primeiro susto criado pelos donos da casa veio aos 14 minutos. Felipe Augusto passou facilmente pela defesa e deixou Lucas Batatinha cara a cara com o goleiro. O atacante tentou tirar a bola de Thiago Rodrigues, mas mandou à direita do gol paranista.

Aos 38, uma incrível chance ‘toma lá da cá’ para os dois lados. Primeiro a oportunidade veio pro lado Tricolor, com Bruno Rodrigues arrancando uma contra-ataque e mandando para Vitinho. De frente com Rodrigo Viana, o meia chutou muito fraco, facilitando totalmente a vida do goleiro. A resposta veio na sequência, com o Fantasma avançado. Eder Sciola falhou e Lucas Batatinha conseguiu uma boa finalização, mas para a sorte do Paraná a bola bateu caprichosamente na trave e voltou para as mãos de Thiago Rodrigues.

Aos 45, Vitinho sofreu com entrada dura por trás e precisou deixar o jogo. Com muitas dores no joelho o atleta chegou a chorar e já de fora precisou de ajuda para ir para o vestiário. Itaqui entrou em seu lugar e instantes depois, aos 49, Bruno Rodrigues abriu o marcador. O atacante recebeu o passe de Judivan na direita, se livrou da marcação e chutou firme cruzado, mandando para o fundo das redes.

Bruno Rodrigues no lance em que saiu o gol do Tricolor. Foto: Josué Teixeira
Bruno Rodrigues no lance em que saiu o gol do Tricolor. Foto: Josué Teixeira

A segunda etapa começou quente, com o Operário tentando a todo custo igualar o jogo e criando chances. Tamanha era a vontade do time que Rodrigo acabou entrando com força em disputa de bola e fez duas faltas duras em Jenison, em dois momentos distintos, com poucos minutos de diferença. O jogador levou seu primeiro cartão amarelo aos sete e o segundo aos nove minutos, sendo expulso e deixando a equipe de Ponta Grossa com um a menos.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Após o vermelho, a partida ficou com ares de nervosismo. Aos 16, Marcelo chegou duro em Bruno Rodrigues, que dominava a bola e tentava o drible. Os paranistas não gostaram e foram tirar satisfação, iniciando uma discussão. Para acabar com a briga, o árbitro amarelou Marcelo e Fernando Neto.

O Operário bem que tentou reverter a situação e pressionou o quanto foi possível, mas parou na defesa tricolor, que abusou das faltas no meio-campo para matar as jogadas e contou com as boas intervenções do goleiro Thiago Rodrigues quando acionado. Assim, o Paraná saiu de Ponta Grossa com três pontos importantíssimos na briga pelo acesso.

Ficha técnica

SÉRIE B
2º Turno – 27ª Rodada

OPERÁRIO 0×1 PARANÁ CLUBE

Operário
Rodrigo Viana; Maílton, Alisson, Rodrigo e Julinho (Uilliam); Revson (Schumacher), Índio, Cleyton e Marcelo; Felipe Augusto (Lennon) e Lucas Batatinha.
Técnico: Gerson Gusmão

Paraná Clube
Thiago Rodrigues; Éder Sciola, Leandro Almeida, Rodolfo e Guilherme Santos; Luiz Otávio, Fernando Neto e Vitinho (Itaqui); Bruno Rodrigues (Eduardo Bauermann), Judivan (Raphael Alemão) e Jenison.
Técnico: Matheus Costa

Local: Germano Krüger
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Assistentes: Daniel Luis Marques (SP) e Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP)
Gol: Bruno Rodrigues, 49 do 1º
Cartões amarelos: Marcelo, Maílton (OPE); Judivan, Fernando Neto, Itaqui Raphael Alemão(PAR)
Cartão vermelho: Rodrigo (OPE)
Renda: R$ 56.545,00
Público pagante: 4.467
Público Total: 5.171