O Paraná Clube deve perder sua dupla de laterais para outro time que disputará a Série B em 2019: o CRB, de Alagoas. Depois de o lateral-direito Júnior já ter sido oficialmente anunciado pelo time de Maceió, agora Igor, lateral-esquerdo, está praticamente acertado com a equipe nordestina.

Os dois atletas estavam no Tricolor desde 2017, mas foi nesta temporada que tiveram mais oportunidades entre os titulares. Em 2018, Júnior fez 27 jogos e um gol com a camisa paranista. Igor também esteve em campo em 27 oportunidades neste ano. Apesar de conquistarem alguns momentos de destaque, firmando-se nas posições em alguns períodos, um dos motivos que fizeram com que os jogadores optassem por deixar o clube foi o atraso nos salários.

+ Vai e vem: Confira TODAS as notícias sobre o mercado da bola!

Ainda que Igor tivesse assinado com o Paraná Clube, em agosto deste ano, a renovação de seu contrato até 2020, o jogador já acertou um pré-contrato com o CRB. Não haverá nenhuma multa a ser paga ao Tricolor, já que o acordo entre as partes foi de que ele iria de graça ao novo time por conta do valor que teria a receber.

Apesar de os atrasos dos salários entre funcionários e atletas do Paraná Clube terem sido “vazados” na última semana pela Tribuna do Paraná, Igor já tinha comentado sobre a situação em setembro. Em um áudio do WhatsApp, o lateral falou sobre as escolhas erradas do então diretor de futebol do clube, Rodrigo Pastana, além dos pagamentos pendentes. Após o ocorrido, o jogador veio a público se desculpar e desmentir a situação.

Igor também deve deixar o Paraná. Foto: Arquivo.
Igor também deve deixar o Paraná. Foto: Arquivo.

A saída dos atletas, de certa forma, servirá como “alívio” aos cofres paranistas, já que cada um ganhava cerca de R$ 40 mil por mês. Com orçamento mais baixo para o ano que vem, já que não estará mais na Série A do Campeonato Brasileiro, o Paraná precisará apertar as contas para montar um novo elenco.

Para 2019, caso o técnico Dado Cavalcanti aposte em jogadores da base,­ como fez na reta final do Brasileirão, poderá escalar os jovens Kennidy para a lateral direita, Vitinho e Juninho para a lateral-esquerda. Sem anunciar oficialmente nenhuma contratação, o Tricolor também está no mercado em busca de peças para as posições que estão “sem donos”. Para a ala direita, por exemplo, Eder Sciola, vindo do Brasil de Pelotas, deve ocupar o lugar de Júnior.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!