Integrante do grupo de marketing desde 2008, Jeferson Thauny assume um setor estratégico neste processo de “revolução” administrativa do Paraná Clube. Nos últimos anos, o Tricolor trabalhou muito mal a sua imagem, sem conseguir um patrocínio eficaz e tendo que, na última temporada, se submeter a parceiros eventuais para tentar fechar a conta. “Vejo o clube num momento de crescimento. Estou bem alinhado nesse discurso e acredito no potencial que existe para ser explorado de forma imediata”, disse Thauny.

Aos 30 anos, tem nove anos de experiência atuando em empresas de comunicação e está fechando mestrado em comunicação na Universidade Federal do Paraná. “O Paraná possui um projeto e essa diretoria está pensando grande. Foi isso que me atraiu a participar desse grupo. A gestão de marketing era parcial, como colaborador. Hoje, estamos profissionalizando a área, podendo dar dedicação exclusiva ao clube, seja para resolver os problemas do dia a dia, seja para planejar ações de maior porte. Profissionalismo hoje é a palavra chave no Paraná”, disse Jeferson.

O marketing, neste novo plano de gestão, passa a ser uma unidade de apoio, com a missão de dar suporte às três unidades de negócios. Após realizar um mapeamento de todas as demandas do clube, em todos os setores, o trabalho será voltado para a busca de um patrocinador efetivo. “É o primeiro grande desafio”, arrisca Jeferson. A partir disso é que o Paraná passará a trabalhar a sua imagem. “Nosso foco é alinhar a imagem a esse novo momento, de muito profissionalismo no clube, em seus mais diversos setores. Esse será o nosso carro chefe, em termos de publicidade, durante as próximas temporadas”, arrematou Jeferson.