enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Marcelo vê Cruzeiro premiado pelo seu futebol ofensivo

Depois de ver o Cruzeiro vencer o Criciúma por 2 a 1, na noite desta quarta-feira, fora de casa, e se garantir na liderança do Campeonato Brasileiro, com 24 pontos, o técnico Marcelo Oliveira afirmou que o time mineiro acabou sendo premiado por sua ofensividade no confronto.

“No segundo tempo, o jogo estava controlado até o momento que perdemos duas bolas e o time deles foi para cima. O empate já era ruim e ficou um jogo muito perigoso, mas felizmente veio o gol que premiou uma equipe que tentou jogar e buscou o gol o tempo todo”, ressaltou o comandante, em entrevista coletiva, na qual também lembrou que o Cruzeiro desperdiçou boas chances de gol na primeira etapa do duelo.

“Nós começamos o jogo um pouco confusos, errando na marcação, depois acertamos e tivemos não só o gol (de Vinícius Araújo), mas pelo menos três oportunidades muito claras de definir a partida. Tínhamos também a supremacia na bola aérea”, analisou.

Já o meia Ricardo Goulart festejou o fato de que conseguiu definir a vitória cruzeirense com um belo gol de letra, após receber cruzamento de Martinuccio. “Foi um gol muito bonito, de letra. Acho que foi o meu primeiro gol (desta forma) na minha carreira como profissional, mas o mais importante de tudo foi que a gente lutou. A gente sabia que aqui seria uma guerra e time que quer ser campeão tem que enfrentar esses tipos de jogos fora de casa”, disse o jogador.

Na ponta da tabela, o Cruzeiro voltará a jogar no próximo domingo, contra o Santos, no Mineirão, às 16 horas, pela 13.ª rodada do Brasileirão. No confronto, Marcelo Oliveira não poderá contar com o meia Everton Ribeiro, punido com o terceiro cartão amarelo nesta quarta. Porém, o treinador terá o retorno do volante Nilton, preservado da partida diante do Criciúma por desgaste físico.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas