Enquanto Silas ainda comemora os retornos de lesão do volante Fábio Rochemback e do zagueiro Ozeia, o treinador do Grêmio está longe de ter novamente o atacante Borges à disposição. O jogador era esperado para voltar aos treinamentos já nesta semana, mas teve sua previsão de recuperação adiada.

Borges atuou pela última fez na decisão do primeiro turno do Campeonato Gaúcho, na vitória sobre o Novo Hamburgo, em 28 de fevereiro. O atacante tinha retorno previsto para o início de abril, mas como ainda não foi liberado sequer para correr em volta do campo, ele só deve voltar no dia 11, caso o Grêmio avance às semifinais do segundo turno.

Já Hugo está mais perto de reforçar o time gremista. O meia-atacante pode ter condições de jogo já para a partida de volta contra o Votoraty, pela segunda fase da Copa do Brasil, no dia 1.º de abril, no Olímpico. O atacante Leandro é outro lesionado que deve voltar antes de Borges, mas provavelmente só para o Gauchão.

Completando a lista de frequentadores do departamento médico do Grêmio, o lateral-esquerdo Lúcio e o meia Souza são esperados apenas para o segundo semestre. Ambos passaram por cirurgia no joelho e só devem atuar novamente pelo Campeonato Brasileiro.