Lisboa – O departamento médico do Sporting informou, através de nota à imprensa, que um de seus integrantes esteve reunido ontem com o atacante brasileiro Jardel. A nota desmente as informações de que o jogador estaria internado em uma clínica nos arredores de Lisboa. Nega também que o jogador esteja sendo submetido a qualquer tipo de tratamento que impossibilitasse seu comparecimento a uma bateria de exames, marcados para hoje, pelo clube. Também afirma que o clube de fato lhe oferece todo o apoio de sua junta médica e que dispõe dos recursos necessários para ajudá-lo.

Para respaldar a ausência do compromisso de ontem, Jardel estaria utilizando a legislação trabalhista portuguesa que estabelece que um funcionário somente tem de se apresentar a uma junta médica depois de ausentar-se de seu posto durante seis meses.

Jardel afastou-se do Sporting ao retornar de férias do Brasil, no final de julho, depois de participar de apenas um treino com a equipe, alegando problemas pessoais. Ele está se separando da esposa Karen Ribeiro e teria entrado em depressão. Nos últimos dias, informações davam conta de que o atleta estaria internado em uma clínica nos arredores de Lisboa, cuja localização não é conhecida.