O jogador Adriano retornará à Inter de Milão em junho, quando vence seu empréstimo ao São Paulo e o clube decidirá então o que fará com o jogador, afirmou nesta terça-feira (29) o presidente do time italiano, Massimo Moratti.

A declaração é um complemento às declarações de Gilmar Rinaldi, empresário do jogador, que se negou a responder sobre uma eventual transferência de Adriano ao Milan.

"Adriano está muito bem, joga todas as partidas e faz gols. A Inter conta com ele. No fim da temporada avaliaremos com a Inter e veremos, no momento não posso dizer nada", havia declarado Rinaldi à TV Sky.

Diante da insistência sobre a possível passagem do atacante ao Milan, Rinaldi contestou afirmando que não queria "nem sequer falar sobre o assunto".