O inglês Lewis Hamilton admitiu neste domingo que a tentativa de conquistar o segundo título na Fórmula 1 em 2013 está encerrada após um fim de semana que ele classificou como “pesadelo” no circuito de Monza. O piloto da Mercedes, que venceu o GP da Itália no ano passado, terminou a prova deste domingo apenas em nono lugar depois de ter problemas com o seu carro.

O alemão Sebastian Vettel ganhou neste domingo o GP da Itália e aumentou a sua vantagem na liderança do campeonato para 53 pontos em relação ao segundo colocado, o espanhol Fernando Alonso. Hamilton ocupa o terceiro lugar no Mundial, 81 pontos atrás do piloto da Red Bull.

“É horrível quando você gasta toda a sua energia e tudo isso lhe rende apenas duas posições. O campeonato já era”, disse Hamilton, que largou do 12º lugar, após um decepcionante treino de classificação no sábado. “É um fim de semana de pesadelo para mim. É uma pena, mas este tipo de coisas acontecem. Foi um bom ano, nós apenas temos que seguir trabalhando duro”.

Hamilton teve um pneu furado, o que o obrigou a realizar um pit stop antecipado, na 13ª volta, o forçando a mudar a sua estratégia. Ele também teve problemas com o rádio, o que significava que não tinha conhecimento da sua situação até contar com uma placa para a comunicação.

“Eu dei tudo de mim lá hoje, o ritmo do carro foi bom, mas infelizmente pagamos o preço por não ter me classificado na frente”, disse Hamilton. “Meu rádio falhou logo no início da corrida e é realmente difícil quando isso acontece e você não tem o aconselhamento e as informações da equipe para planejar a sua corrida. Eu nem sabia sobre o furo antes do fim da corrida e agora faz mais sentido porque tivemos que fazer uma parada extra”, disse.