Na essência, o jogo desta noite tem clima de amistoso. O Fortaleza, já rebaixado para a Terceirona, fez seu último treino na Vila Capanema, logo após o apronto do Paraná.

Resultado do bom tratamento que o Tricolor recebeu do adversário quando foi ao Ceará. Antes do Fortaleza treinar, houve tempo para uma longa conversa entre Roberto Cavalo e Roberto Fernandes, à margem do gramado.

O time cearense tenta uma despedida digna, mas ainda sem um futuro certo. Roberto Fernandes, que não conseguiu evitar o rebaixamento, apresentou um projeto para seguir à frente do Fortaleza.

Isso, porém, depende de questões políticas, já que há muita pressão para a renúncia do presidente Lúcio Bonfim. No início da semana, o clube que contava com cerca de 50 atletas no elenco dispensou treze jogadores, entre eles os experientes Cristian e Luís Carlos.

Fernandes, de última hora, ainda perdeu o zagueiro Rocha, com uma torção de tornozelo. Mesmo assim, deve manter o time num 3-5-2, escalando os três únicos zagueiros que trouxe a Curitiba. Com apenas 37 pontos, o Fortaleza ocupa a 18.ª posição e pode fechar o ano, em caso de derrota, na lanterna da Série B.