enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Fernandinho pode chegar hoje à Vila

  • Por Irapitan Costa

O meia Fernandinho, destaque do campeonato catarinense, está perto de um acerto com o Paraná Clube.

A comissão técnica esteve observando o jogador do Caxias, em vários jogos. Mesmo com o representante de Joinville perdendo o título na final contra o Figueirense, Fernandinho teve uma boa atuação no último domingo. O meia tem o perfil desejado pelo Tricolor, faltando apenas alguns detalhes com o empresário do atleta.

Fernandinho tem 21 anos e esteve no Joinville ano passado. No início do ano acertou com o Caxias e chegou à disputa do estadual. Caso a negociação se confirme, a comissão técnica ganharia uma importante opção pelo setor esquerdo. Este não seria, porém,

o último reforço para o Brasileirão. O vice de futebol José Domingos Borges Teixeira confirmou que o Paraná ainda negocia com um zagueiro e um atacante.

Com essas transações evoluindo, o elenco do Paraná passaria a contar com 27 jogadores, dando maior tranqüilidade à comissão técnica. No momento, há dificuldade até para a montagem de duas equipes para treinamentos. Mesmo não tratando do assunto abertamente, o Paraná ainda gostaria de trazer um goleiro de renome para o Brasileirão.

Cuca estuda o Santos para montar o Paraná Clube

O Paraná Clube já está na reta final de preparação para o Campeonato Brasileiro. Com um grupo ainda reduzido, a comissão técnica testa alternativas para conseguir um time equilibrado e capaz de “parar” o atual campeão nacional. O jogo frente ao Santos dará ao técnico Cuca uma visão mais clara do potencial do elenco, que ainda será reforçado. Além da condição técnica e tática, o trabalho vem sendo direcionado para um resgate emocional dos jogadores, que conviveram nos últimos meses com a constante tensão do risco de rebaixamento – no Brasileirão e no Paranaense.

A preocupação, hoje, é com a recuperação do volante Fernando Miguel. No treinamento do último sábado o jogador sentiu dores na região posterior da coxa direita. Os exames não acusaram nenhuma lesão e por isso a expectativa é que ele retorne até amanhã aos trabalhos. Mesmo contando com outros volantes, Cuca preferiu testar uma formação mais agressiva. Foram utilizados Éverton, Waldir e Flávio, todos com características distintas. Se na teoria a equipe ganha opções ofensivas, Cuca não abre mão de uma perfeita sincronia na marcação ao adversário.

A outra novidade foi a presença de Milton na lateral-direita, ganhando a posição de Jéferson. Contratado na semana passada, ele teve alguns dias para a ambientação no novo clube – veio do União São João, de Araras – e agora já entra na briga pela condição de titular. Vários jogos do Santos foram analisados e a comissão técnica busca um posicionamento capaz de anular a ofensividade do adversário, que joga com três jogadores à frente (quase com dois pontas abertos) e a constantes assistências de Diego, articulador do meio-de-campo. “Temos que estar atentos e evitar o mano-a-mano”, avisou Cuca.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas