O suíço Roger Federer deu mais um passo nesta segunda-feira em sua caminhada pelo sexto título consecutivo do US Open, em Nova York. O tenista suíço passou com facilidade pelo espanhol Tommy Robredo, por 3 sets a 0, com parciais de 7/5, 6/2 e 6/2, e avançou às quartas de final do último Grand Slam do ano.

E, na sua luta pelo hexacampeonato do US Open, Federer vai reencontrar na próxima fase o sueco Robin Soderling, que nesta segunda-feira se classificou às quartas de final ao bater o russo Nicolay Davydenko, que abandonou o confronto quando perdia por 2 sets a 1. Soderling foi derrotado por Federer na final do Torneio de Roland Garros deste ano, quando o sueco surpreendeu ao eliminar o espanhol Rafael Nadal antes da decisão.

No confronto com o sueco, o suíço terá pela frente mais um freguês antigo pela frente. O líder do ranking mundial venceu todos os 11 confrontos que travou com o adversário. Nesta segunda-feira, por sua vez, o suíço acumulou o nono triunfo em nove partidas contra Tommy Robredo, que em Nova York voltou a ser presa fácil.

Curiosamente, Federer irá enfrentar Soderling pela quarta vez apenas neste ano. Além da vitória em Roland Garros, o suíço superou o rival no Torneio de Wimbledon e no Masters 1000 de Madri desta temporada.