Passando por gravíssima crise financeira, o Parma sofreu mais um golpe nesta quinta-feira. A Federação Italiana de Futebol anunciou a perda de quatro pontos na classificação do Campeonato Italiano, como uma punição ao clube por violar os regulamentos financeiros.

Antes mesmo da punição, o Parma já estava na lanterna do Campeonato Italiano, mas agora passa a somar apenas 12 pontos, a 17 da primeira equipe fora da zona de rebaixamento, faltando oito rodadas para o encerramento do torneio, o que praticamente decreta o seu rebaixamento.

Anteriormente, o Parma havia perdido outros três pontos nesta temporada por causa da falta de pagamentos de salários. Sem as penalidades, o time teria uma chance real de evitar a sua queda no Campeonato Italiano, que agora está praticamente decretada.

Também quinta-feira, o ex-proprietário do Parma, Giampietro Manenti, e o ex-diretor esportivo Pietro Leonardi foram suspensos por seis meses. No mês passado, o Parma teve declarada a sua falência, com dívidas de mais de 200 milhões de euros (aproximadamente R$ 650 milhões).

Os jogadores do Parma sofrem com os atrasos salariais durante toda a temporada, mas mesmo assim conseguiram uma surpreendente vitória por 1 a 0 sobre a líder Juventus, no último sábado. Porém, nesta quarta-feira o time retomou a sua rotina de tropeços ao perder por 2 a 0 para o Genoa.